segunda-feira, 16 de maio de 2016

"E depois de toda uma vida normal, eu me pego aqui, escrevendo, de novo, parara ninguém ler. Só para por para fora aquilo que está abafando meu peito. Você me tira do sério. Depois de tantos anos sem que ninguém me visse estou deixando transparecer. Quero desaparecer."

É tudo sobre.

Não é sobre mim.
Isso é só sobre as coisas que ocorreram.
Acontece que eu não quero mais sentir saudades,
não quero sentir ciúmes
e não quero ter medo.
Isso é sobre você.
É sobre os sentimentos que aflorou em mim
(quando sabia que não podia).
É sobre o que acontece aqui quando você está fora
e não tem hora pra voltar.
E sabe, eu não tenho culpa de ficar preocupada.
É só que você sabe o que dizer para mim
mas não sabe o que fazer comigo.
Estou só e,
estou aqui te esperando todas as noites
fingindo que sei que você vai voltar
mas não sei.
Então nada disso é sobre mim.
É sobre você.
É sobre como seus problemas são difíceis de resolver.
Sobre como você vai e não volta.
Sobre você não dizer aonde vai.
Sobre como não sobra espaço para ter alguém.
Mais uma vez
é tudo sobre você.


segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Só isso

Só um pedacinho
daquilo
que alguém deixou cair
que alguém não quis mais e
que alguém correu atrás
e perdeu.
Só um pouquinho do que
deixou transparecer
do que já pareceu fazer
mas era algo diferente.
Só um teco
daquela amizade esquecida
o amor mal correspondido
o 'carinho' inconstante dos pais.
O que posso fazer?,
com aquela louça da cozinha
com a ovelha negra da família
com o afago que não se tem mais...


terça-feira, 9 de junho de 2015

Já fui...

Já fui de tudo nesse mundo. Já fiz muitas coisas, fui de muitas pessoas. Já vi coisas que preferia não ver, fiz o que pude e o que não queria fazer. Já fui fria quando queria era esquentar. Já sorri pra melhorar as coisas para um certo alguém. Algumas coisas, a culpa é minha, mas tive que fazer. Já quis dar o que não tinha. Alegrei quando, na verdade, estava triste. Fiz de tudo para que ficassem os que foram embora. E queria ter sido um pouco mais de mim. Não pude fugir da realidade. Bem que tentei. Já fui tanta coisa, e no final sou só eu.

sábado, 1 de novembro de 2014

"Eu queria escrever, mas... apenas... não quero dizer o que sinto. Não sei dizê-lo."

domingo, 26 de outubro de 2014

A vida

A vida não recomenda:
- Que não seja vivida.
- Que passe despercebida.
- Que não se aprecie o pôr e o nascer do sol.
- Que não sinta o cheiro do pão fresquinho, do café quentinho.
- Que não se olhe para o mar.
A vida é cheia de graça e quer se mostrar, bela como é, para que qualquer um possa olhar.
Aproveite; vá para lugares distantes. Grite, cante. Saiba saborear. A chuva é para limpar a vida, a natureza nunca foi uma inimiga: aprenda a diferenciar.
Por mais que você seja bonzinho, beba um gole de um bom vinho, passe a noite em claro, chame a moça para dançar.
Não se queixe tanto e não se engane. Se precisar, chame, alguém vai te escutar.
A vida foi feita pra variar, foi feita pra aproveitar.
Tem coisas lindas em todo lugar. Não deixe de olhar.
Agora saia, vá...